Skip to main content

15 sintomas da síndrome de Asperger: Conheça os sinais

By ActiveBeat Português

A síndrome de Asperger faz parte do transtorno do espectro autista (TEA). De acordo com especialistas médicos, é uma forma leve de autismo e geralmente se manifesta sem deficiências mentais extremas. As principais características externas de uma pessoa com síndrome de Asperger são habilidades sociais pobres, falta de comunicação não-verbal e ser desajeitado.

Ao contrário de outras formas de autismo, a imagem cerebral não mostrou uma patologia comum entre os pacientes. Os cientistas acreditam que pode haver uma causa genética da síndrome, já que muitas vezes várias pessoas em uma casa podem ter a doença. Até agora, nenhum gene foi identificado em relação à síndrome.

Em uma pequena porcentagem de casos, acredita-se que a exposição a certos produtos químicos e medicamentos no útero tenha contribuído para a síndrome de Asperger. Existem muitas teorias de como um indivíduo pode desenvolver a síndrome de Asperger, mas nenhuma foi comprovada conclusivamente ainda. Atualmente, existem centenas de estudos de cientistas de todo o mundo tentando entender a causa e o tratamento dessa síndrome.

Se você está preocupado com você ou um ente querido com essa síndrome, converse com seu médico sobre as opções de triagem. Os 15 sintomas clássicos da síndrome de Asperger são…

1. Falha em desenvolver amizades

Crianças com síndrome de Asperger podem ter dificuldade em cultivar amizades. Eles podem não se conectar com seus colegas devido à falta de habilidades sociais. Eles podem achar difícil conversar com outras crianças ou participar de atividades em grupo.

Isso pode ser difícil para uma criança com síndrome de Asperger, pois ela pode querer se conectar profundamente com seus colegas. Ao contrário, algumas crianças com síndrome de Asperger não desejam fazer amigos e preferem ficar sozinhas.

2. Mutismo seletivo

Crianças pequenas com Asperger podem demonstrar mutismo seletivo como sintoma. Isso ocorre quando eles falam livremente apenas com pessoas com as quais se sentem confortáveis e podem não falar com estranhos. Casos extremos duram anos. Os membros imediatos da família geralmente não são afetados, pois a criança geralmente se sente à vontade para falar com eles.

O mutismo seletivo ocorre com mais frequência na escola e em público, e algumas crianças podem se recusar a falar com alguém desde muito cedo. Essa condição pode desaparecer sozinha ou seu filho pode se beneficiar da terapia.

3. Incapacidade de empatia

Indivíduos com síndrome de Asperger podem encontrar dificuldade em empatizar com os outros. À medida que envelhecem, a pessoa afetada aprenderá a resposta social aceita para interagir com outras pessoas. Embora possam reagir apropriadamente e dizer as coisas “certas”, podem não entender por que a outra pessoa está realmente chateada.

Isso pode ser um problema na infância, pois o indivíduo com Asperger pode brincar muito com seus colegas ou dizer coisas duras, machucando a outra pessoa sem saber. Quando confrontada por esse comportamento, a criança pode responder que o que disse é verdade e que não entende o assunto.

4. Incapaz de fazer contato visual ou forçar o contato visual

As pessoas que sofrem da síndrome de Asperger podem achar difícil fazer e manter contato visual com as pessoas com quem estão falando. Alguns acreditam que essa condição é causada pela falta de confiança. Outros contam como fazer contato visual pode deixá-los muito desconfortáveis, quase dolorosos.

Existe também a teoria de que as pessoas com síndrome de Asperger não percebem como o contato visual é importante para a comunicação social. Isso pode levar ao problema oposto de forçar o contato visual. Isso pode deixar as pessoas ainda mais desconfortáveis, enquanto o indivíduo com Asperger acredita que está sendo mais acessível.

5. Estranheza social

A ideia de que as pessoas com síndrome de Asperger não são apaixonadas está completamente errada. Um termo comum que os profissionais usam para descrever as pessoas que sofrem desta doença é “ativo, mas estranho”. Eles podem se tornar muito ativos socialmente, formando amizades íntimas.

Outros podem tentar se cercar de pessoas, fazendo muitas amizades íntimas, mas nenhuma amizade profunda. Isso pode estar relacionado a quão bem o indivíduo empatiza com os outros. Pessoas com síndrome de Asperger podem não mostrar muitos sinais externos dessa doença.

6. Interesses restritos

Indivíduos com síndrome de Asperger podem ter um desempenho ruim na escola, mas isso não quer dizer que não tenham interesses específicos. Em vez disso, seus interesses provavelmente são muito restritos e focados. Pode ser jogar videogame, fazer modelos ou desenhar.

Essas atividades concentram suas mentes e proporcionam uma sensação de conforto para eles. Se forem forçados a deixar seus projetos, podem ficar angustiados. Da mesma forma, se seus projetos estão falhando. Promover esses interesses limitados é importante para o apoio emocional e mental.

7. Manter uma rotina

Seguir uma rotina pode ser muito importante para pessoas com síndrome de Asperger. Eles podem ficar muito angustiados e ansiosos quando seus horários mudam. Novas situações podem ser assustadoras.

Uma rotina pode ajudar a controlar a ansiedade das pessoas com síndrome de Asperger. Felizmente, grande parte do nosso mundo funciona com cronogramas apertados. Se você suspeitar que seu filho pode ter a síndrome de Asperger, colocá-lo em um cronograma apertado pode ser uma maneira eficaz de ajudar a controlar alguns de seus sintomas.

8. Interpretações literais

Um dos sintomas da síndrome de Asperger é interpretar literalmente o que as pessoas dizem. O indivíduo afetado pode não entender o sarcasmo e, em vez disso, considerar o que a pessoa disse como verdade. A ideia de que as pessoas com síndrome de Asperger não entendem o humor está errada.

Esses indivíduos podem ser as pessoas mais engraçadas que você já conheceu. Quando eles percebem a falha de suas interpretações literais, eles são capazes de entender o verdadeiro significado por trás do que está sendo dito, talvez com alguma explicação.

9. Excelente reconhecimento de padrões

Outro sintoma da síndrome de Asperger é a incrível capacidade de reconhecer padrões. Freqüentemente, o cérebro desses indivíduos está tentando entender o que está ao seu redor, então uma quebra no padrão pode se mostrar claramente.

Essa habilidade pode ser evidente na infância, pois a escolarização precoce desenvolve as vias neurais de reconhecimento de padrões. Enquanto as crianças com síndrome de Asperger podem achar o ambiente escolar difícil e lutar com suas notas, problemas de padrão como matemática e arte podem ser muito enriquecedores. Promover esse talento natural é uma ótima ideia.

10. Habilidades motoras deficientes

Algumas pessoas com síndrome de Asperger podem achar difícil controlar suas habilidades motoras grossas e finas. Os problemas motores podem se manifestar através de má caligrafia, que se acredita ser causada por má coordenação olho-mão.

Se você ou alguém que você conhece apresentar algum dos sintomas indicados, é melhor procurar atendimento médico. Embora esses sintomas não signifiquem necessariamente que o indivíduo tenha Asperger, é sempre melhor procurar o conselho de um profissional médico.

11. Problemas para entender dicas sociais

Como mencionado anteriormente, as pessoas com síndrome de Asperger podem ser socialmente desajeitadas, muitas vezes devido à sua dificuldade de empatia com os outros. Mas outra razão pela qual eles podem ter dificuldades nessas situações é porque eles têm dificuldade em captar ou entender as dicas sociais não-verbais dos outros.

Essas dicas sociais incluem coisas como linguagem corporal, gestos e expressões faciais. Por exemplo, o WebMD diz que o indivíduo “pode não perceber que quando alguém cruza os braços e faz cara feia, ele está com raiva”.\

12. Maneirismos motores repetitivos

Além de ter um conjunto muito restrito de interesses e necessidade de rotina, os indivíduos com Asperger podem demonstrar padrões de comportamento restritos e repetitivos na forma física. Mais notavelmente, eles podem fazer maneirismos motores repetitivos.

Isso pode incluir “bater o braço ou a mão, sacudir os dedos, balançar, pular, girar ou girar, bater a cabeça e movimentos corporais complexos”, diz a National Autistic Society. A fonte acrescenta que esses movimentos repetitivos também podem envolver um objeto, “como sacudir um elástico ou girar um pedaço de barbante”, ou os sentidos, “como sentir repetidamente uma textura específica”.

13. Padrões anormais de linguagem e fala

Há uma variedade de diferentes sintomas de comunicação associados à síndrome de Asperger. Tomar o que as pessoas dizem literalmente, como já discutido, é apenas um deles. Outra é ter um estilo incomum de falar, que pode soar formal e roteirizado, quase robótico.

As pessoas com a doença também podem usar palavras ou frases complexas, mesmo que não entendam completamente o que significam. eMedicineHealth.com acrescenta que eles também podem ter problemas para moderar “volume, entonação, inflexão, velocidade e ritmo da fala”. E, ao se envolver em conversas, eles podem não saber quando é a sua vez de falar, resultando em interrupções frequentes.

14. Sensibilidade aumentada

Alguns indivíduos com Asperger também podem apresentar sensibilidades sensoriais. Autism-Help.org explica que isso ocorre porque “o sistema nervoso tem dificuldade em receber, filtrar, organizar e usar informações sensoriais”.

Como resultado, eles podem sentir sensibilidade ou superestimulação quando expostos a coisas como ruídos altos, luzes fortes e certas texturas ou sabores. Além disso, a fonte diz que uma criança com Asperger “também pode não responder a sensações que seus pais consideram desagradáveis, como calor extremo, frio ou dor”. Para um pai que não tem a síndrome de Asperger, essas sensibilidades podem ser difíceis de entender e podem ser mal interpretadas como mau comportamento.

15. Dificuldade em julgar o espaço pessoal

Medir o espaço pessoal é outro desafio que as pessoas com Asperger geralmente enfrentam. Por exemplo, a Interactive Autism Network diz: “Eles podem ficar muito próximos dos outros e caminhar entre as pessoas que estão conversando”.

Eles também podem ser muito sensíveis sobre seu próprio espaço pessoal. Por exemplo, eles tendem a precisar mais do que a pessoa comum e podem ser intolerantes se outros o invadirem – como se as pessoas se sentassem muito perto deles, esbarrassem neles ou tentassem abraçá-los.

ActiveBeat Português

Contributor

Sinais & Sintomas

Explore

Everything You Need To Know About LASIK Surgery
By ActiveBeat Author Your Health

Everything You Need To Know About LASIK Surgery

Laser eye surgery, also known as LASIK, is a life-changing procedure. Former eyeglasses and contact lens wearers report being able to see perfectly once again, enjoying the freedom of clear vision. And just recently, one of the best things about LASIK is skilled doctors offering their services for much cheaper than before. Why? It’s a […]

Read More about Everything You Need To Know About LASIK Surgery

4 min read